sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Do «Theatri Machinarum»
de Heinrich Zeising (1613)


























Mesmo para um desenhador como eu, é impensável
admitir a exequibilidade destes projectos.
Mas é assim que o mundo avança.

2 comentários:

  1. Nem mais, o mundo apenas avança e o homem se ergue para lá da mediania com a ousadia de pensar e visionar desta forma!

    [lá no meu canto, deixei-lhe relato pormenorizado a propósito da árvore que se seca ...]

    ResponderExcluir